A Revalor, S.A. é um operador de gestão de REEE desde 2006, acreditado e pertencente à rede Amb3E – Associação Portuguesa de Gestão de Resíduos.

A Revalor, S.A. opera na gestão de REEE enquanto:

– Operador Logístico de todos os fluxos de REEE;

– Centro de Recepção de todos os fluxos de REEE;

– Unidade de Tratamento e Valorização de REEE (fluxos A e C);

Uma correta gestão de REEE é efetuada com base em procedimentos adequados na sua recolha, acondicionamento e transporte, no trajeto que os conduz desde o seu utilizador final (doméstico ou industrial), até ao local de valorização e/ou reciclagem, sendo uma atividade regulada pelo Decreto-Lei n.º 67/2014, de 07 de maio.

REEE – Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos
REEE – Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos

 

Os REEE compreendem uma grande diversidade de equipados, estando agrupados por categorias:

REE

Enquanto Unidade de Tratamento e Valorização acreditada também pela Amb3e, a Revalor efetua as operações de desmantelamento de REEE não perigosos, separando todos os componentes. Para o efeito dispõe dos requisitos técnicos necessários, a nível humano e de recursos tecnológicos.

Os fluxos de REEE desmantelados pela Revalor são os fluxos considerados não perigosos, designadamente fluxo A (por exemplo, grandes eletrodomésticos, máquinas de lavar, fogões) e fluxo C (por exemplo, pequenos eletrodomésticos, equipamentos informáticos, equipamentos de consumo).

As frações resultantes do desmantelamento são encaminhadas para tratamento ou para valorização, de acordo com as respetivas caraterísticas de perigosidade ou de potencial de reciclagem.